ESPAÇO

Em geometria, o espaço é o ‘lugar’ onde existem todas as entidades geométricas.

Vimos como o ponto, descrevendo uma trajetória retilínea, gera uma reta e a reta, se descrever um movimento de translação retilíneo, gera um plano. Seguindo a mesma estratégia de pensamento, podemos imaginar o espaço a ser gerado por um plano que realize um movimento de translação.

O ponto não tem dimensões, a recta tem uma dimensão, o plano tem duas dimensões e o espaço tem três dimensões.

Um plano divide o espaço em dois semi-espaços. Por exemplo, se considerarmos um plano horizontal,  dele resultará a divisão do espaço em semi-espaço superior e semi-espaço inferior; ou, se considerarmos um plano frontal, dividiremos o espaço em semi-espaço anterior e semi-espaço posterior, ou, ainda, se considerarmos um plano de perfil, dividiremos o espaço em semi-espaço esquerdo e semi-espaço direito.


É muito importante considerar a divisão do espaço, porque é essa operação que possibilitará saber onde estamos e onde se situam os objectos que pretendemos representar. É desta forma que construiremos um referencial tridimensional que permitirá localizar no espaço os vários elementos geométricos que vamos estudar.

© José-António Moreira